Em muitos aspectos, Divertida Mente (2015) é um produto perfeito. Sua história terna aborda o amadurecimento e sentimentos profundamente humanos, o que deu ao filme a tag de “conseguir se comunicar com crianças e adultos”.

Além um público mais amplo para seu merchandising, isso significou um banho daquele verniz de “jovem clássico” para ser velado intocado.

No entanto, é difícil manter a perfeição quando sempre há um novo dia à frente. Aliás, qual é esse sentimento de acreditar que a vida pode ser um caminho sem defeitos? Esse é um dos principais temas de Divertida Mente 2.

Perdendo o Controle

Nivelando a audiência, o filme contextualiza como as emoções trabalham em grupo, demonstrando a lição aprendida no longa original, mesmo anos depois. Porém, sem muita enrolação, a história nos apresenta o novo plot.

Divertidamente-2

A chegada da adolescência de Riley é repentina, e assim o roteiro resolve o que poderia ser um retcon com uma piada. As novas emoções, lideradas pela Ansiedade, chegam do dia para a noite e tomam conta do Centro de Controle.

Leia também:  Divertida Mente vai virar série, entenda o projeto

Com as “velhas” emoções jogadas para longe do comando, temos sumo de Divertida Mente 2. Enquanto Riley passa um fim de semana tentando impressionar Val Ortiz e entrar para o time de hóquei, o filme nos oferece um aprofundamento nos personagens que já conhecíamos.

Quando a Mente é Divertida

Fora de sua “zona de conforto”, Alegria, Tristeza, Nojinho, Raiva e Medo se jogam em uma aventura para não deixar que as “emoções da adolescência” sejam os únicos guias da garota em que “vivem”. E esta seria uma boa sinopse para o longa.

Ainda com respeito ao canone estabelecido, em esquema de cores e fronteiras, os criadores sabem que o público deseja novidades. E se passamos muito tempo focados no centro de comando, o frescor vem da proposta que existem outros caminhos da mente por explorar.

Leia também:  Divertida Mente 2 registra bilheteria histórica para os cinemas no Brasil

Alegria e seus amigos se aventuram pelos ecos da memória, toró de ideias e uma série de outros trocadilhos possíveis e potencializados pela dublagem brasileira. Essa por sua vez, deita e rola em expressões populares e memes, localizando essa obra em seu tempo.

Nojinho e Lance Slashblade Divertida Mente 2 (Inside Out 2) 2024 A Geleia
Nojinho e Lance Slashblade (Disney / Pixar)

Aliás, neste ponto é interessante como os personagens Raiva e Medo ganham mais destaque tanto em agência na história como dando o arremate de piadas.

E nos cantos secretos da imaginação de Riley, não há apenas palavras. A continuação apresenta momentos de animação 3D, stop motion e tradicional, que se materializam nas referências pop que são os personagens Bloffy e Lance Slashblade.

Leia também:  Gru viaja e firma parceria com KAYAK para Meu Malvado Favorito 4

O que significa isso tudo?

Divertida Mente 2 (2024) Ilustração Livro Inside Out 2 A Geleia
Disney / Pixar

Desta forma, o Divertida Mente 2 não veste o peso de ser apenas “tocante” ou deixar uma “mensagem atemporal” e se entrega em ser uma comédia do agora.

Porém como um bom filme, existe sim uma provocação nesta aventura.

Riley e suas emoções estão movidos sentimento de coisas aconteçam exatamente como planejado, sem imprevistos ou surpresas. Porém esse desejo de controle é o perfeito gatilho para Ansiedade.

Se por motivos externos Divertida Mente 2 precisou existir, eles nos deixa o recado de que existe potência na dissonância e nas farpas da vida.

Inside Out 2

Distribuição, Disney
Ano de lançamento: 2024
Duração: 100 minutos

Elenco de dubladores brasileiros: Tata Werneck, Eli Ferreira, Fernando Mendonça, Gaby Milani, Miá Mello, Otaviano Costa, Dani Calabresa, Leo Jaime e Katiuscia Canoro
Classificação Indicativa: Livre

Categorized in: