Sob o brilho vibrante do Festival For Rainbow, ‘Tudo o Que Você Podia Ser’ se consagrou como um dos grandes filmes brasileiros de 2024.

Dirigido por Ricardo Alves Jr., o longa levou pra casa quatro prêmios: Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Atuação pra Aisha Brunno e Melhor Edição, feita por Lorena Ortiz.

Os prêmios se juntam aos de outros festivais, como o Festival do Rio, onde pegou o Prêmio de Direção em Novos Rumos e o Prêmio Especial do Júri, além de ter sido eleito Melhor Filme pelo público no último Festival MIXBRASIL.

Leia também:  Qual filme assistir? Todos os lançamentos do cinema em junho de 2024

Poder Ser

Ao lado de Aisha, o elenco principal traz Igui Leal, Bramma Bremmer e Will Soares, além de participações de Docy Moreira, Renata Rocha e Sitaram Custódio

O filme mistura realidade e ficção para apresentar uma história de amizade, podendo explorar a liberdade de ser verdadeiramente quem somos.

Leia também:  Entre Luto e Buscas: Discussão da depressão é tema do premiado filme A Metade de Nós

Ricardo Alves Jr. comenta sobre a produção:

“’Tudo o que Você Podia Ser’ fala sobre amizade como um ato político, onde nossas personagens vivem suas vidas sem precisar se justificar, sendo apenas quem querem ser.

É muito massa ser reconhecido no Festival For Rainbow, porque mostra como é importante contar novas histórias da comunidade LGBTQIA+ e celebrar a coragem de sonhar sem limites.”

Produzido pela EntreFilmes e SANCHO&PUNTA, e distribuído pela SESSÃO VITRINE PETROBRAS, o filme estreou em mais de 20 cidades do Brasil com preços acessíveis, graças ao Programa Petrobras Cultural.

Leia também:  A Filha do Palhaço: Buscando o Tempo que Fez Falta | Crítica do Filme

Categorized in: